PATOLOGIAS E ÁREAS DE INTERVENÇÃO

 

DIABETES

Diabetes
O Podologista hoje desempenha um papel fundamental para os pacientes no controlo da diabetes, evitando as complicações relacionadas com o pé diabético.

Tratamento de Feridas
Uma úlcera do pé diabético é uma ferida aberta que 25% dos pacientes com diabetes tem condições favoraveis ao seu aparecimento, sendo normalmente localizada na parte inferior do pé.

Doença Arterial Periférica
É causada por um bloqueio ou estreitamento das artérias das pernas quando os depósitos gordurosos (placas) se acumulam. Este congestionamento de placas faz com que as artérias endureçam e estreitem.

Neuropatia Periférica
A neuropatia periférica é a lesão dos nervos periféricos nos dedos do pé. A causa mais comum da neuropatia periférica é a diabetes.

LESÕES ARTICULARES

Joanetes
O joanete é um aumento da articulação na base do dedo grande do pé que se forma quando o tecido ósseo ou a articulação do dedo se desloca para fora do lugar normal.

Desvios dos dedos
Dedos em martelo, garra, supra ou infradução, etc, são alterações que além de inestéticas podem trazer dores e dificuldade em calçar.

Neuromas
Um neuroma é uma patologia dolorosa, muitas vezes referido como um "nervo comprimido", ou um tumor do nervo. É um crescimento benigno do tecido nervoso frequentemente encontrados entre os terceiro e quarto dedos.

LESÕES MUSCULARES E TENDINOSAS

Dor no calcanhar
O osso do calcanhar é o maior dos 26 ossos do pé humano. Como todos os ossos, ele está sujeito a influências externas que podem afetar a sua integridade e causar dor no calcanhar.

Tendinite
A tendinite é a inflamação de um tendão. A tendinite de Aquiles, ou uma inflamação do tendão de Aquiles, é uma das causas mais comuns de dor no pé ou no tornozelo.

Entorses e distensões
Os pés e os tornozelos trabalham juntos para fornecer apoio e mobilidade para o corpo. Uma entorse do pé ou do tornozelo é uma lesão dos tecidos moles enquanto que a fratura representa uma ruptura no osso.

PATOLOGIAS UNGUEAIS

Dentro do vasto grupo das patologias das unhas, as mais comuns são as onicocriptoses (unhas encravadas), cujos cantos entram em conflito de forma dolorosa com o tecido mole do bordo do dedo, muitas vezes acompanhado de vermelhidão, inchaço e infecção. As micoses ungueais são uma infecção por baixo da superfície da unha causada por fungos. A doença é caracterizada por uma alteração progressiva na qualidade e a cor de uma ou mais unhas.

DISTÚRBIOS DA PELE

Pé de atleta
O pé de atleta é uma doença de pele causada por um fungo. É mais frequente nos pés porque os sapatos criam um ambiente quente, escuro e húmido que estimula o crescimento dos fungos.

Calos e calosidades
Os helomas (calos) e as hiperqueratoses (calosidades) são áreas de espessamento da pele que se desenvolvem para proteger essa área de irritação. São geralmente causados pela fricção ou pressão excessiva contra uma parte do pé.

Psoríase
A psoríase é provocada por uma renovação mais rápida do que o normal das células da pele. Quem sofre de psoríase, as células novas deslocam-se para a superfície rapidamente o que faz com que as células mortas se acumulam na superfície em placas de pele secas de cor branco-prata.

Pés suados
A transpiração excessiva dos pés é chamada de hiperidrose. Quem sua excessivamente dos pés, muitas vezes também têm associada transpiração excessiva das palmas das mãos.

Verrugas
As verrugas ou papilomas víricos são uma infecção dos tecidos moles do pé que podem ser muito dolorosas.

PODOLOGIA PEDIÁTRICA

O pé da criança está em constante mudança, pelo que a sua vigilância é de extrema importância para assegurar um crescimento correcto e prevenir o aparecimento de alterações estruturais como pé plano ou o caminhar com os pés para dentro. O diagnóstico e tratamento precoce é fundamental.

PODOLOGIA DESPORTIVA

Pés saudáveis permitem que disfrute da actividade desportiva, bem como de um melhor rendimento durante a competição.

O diagnóstico e tratamento preventivo do pé do desportista, seja ele amador, semi-profissional ou profissional, é indispensável para evitar o aparecimento de lesões próprias da sua actividade desportiva e melhorar o rendimento.

CIRURGIA

Muitas vezes, quando a dor ou deformidade persiste, a cirurgia pode ser apropriada para aliviar o desconforto ou para restaurar a função do pé. São cirurgias simples, com excelentes resultados e fácil recuperação.

SUPORTES PLANTARES

Palmilhas e órteses personalizadas
Os suportes plantares (palmilhas personalizadas) são especialmente feitos para melhorar o apoio e o conforto dos pés. O apoio dos pés é diferente de pessoa para pessoa e por vezes até entre os pés da mesma pessoa, logo, as palmilhas devem ser realizadas mediante molde dos pés para que tenham os resultados esperados, quer estes sejam compensatórios, correctivos ou apenas de conforto.

PÉ DA GRÁVIDA

Durante a gravidez o pé da mulher sofre alterações principalmente devido ao aumento das forças que se exercem sobre ele conjugado com a segregação em maior quantidade de homonas específicas. Estas alterações podem se tornar permanentes caso não sejam acompanhadas precocemente.

 

HomePage